Artes Visuais: Zincogravura e Xilogravura

Zincogravura: Imagem desenhada sobre papel e gravada foto-mecanicamente sobre placa de metal, que por se tratar de um processo mecânico apresenta maiores detalhes da cena.

Xilogravura: Imagem desenhada sobre madeira e outras superfícies, afim de ser também ilustrada (carimbada) em folheto. Aqui ,por se tratar de uma técnica mais manual, os detalhes principais de destacam no momento da impressão.

Atividades que podem ser realizadas
Você pode realizar desenho com palito em bandejas de isopor (aquelas para carne), em isopor escolar e também pode recriar o relevo com outros materiais, transformando em relevo o desenho a ser carimbado. Faça desenhos com cola quente, EVA, pepelão, palitos, folhas de árvore e etc…

Imagens retiradas em pesquisa simples no Google imagens.

 

A xilogravura já foi uma simples ilustração nos folhetos de cordel, mas hoje é considerada uma categoria reconhecida na arte brasileira.

Artistas Brasileiros que podem ser explorados nas atividades escolares com Xilogravura.

José Francisco Borges (J. Borges)
Renomado artista brasileiro, um dos patrimônios vivos do estado de Pernambuco, J. Borges tornou-se artista ainda em sua infância e teve o suas obras em exposições na Europa, América do Norte e América central. 
a-professora-j-borges
Gilvan José de Meira Lins Samico
Premiado artista nordestino, autodidata influenciado pelo movimento expressionista, Gilvan Samico foi desenhista, pintor, gravurista e professor universitário. Atualmente é conhecido por sua meticulosa xilogravura.

digitalizar0013

Lívio Abramo
Artista influenciado fase antropofágica de Tarsila do Amaral e pelo expressionismo Alemão, refinou sua técnica com o passar dos anos. Viajou a cidades brasileiras e países Europeus, posteriormente tornou-se professor de Xilogravura. Foi convidado pelo Itamaraty a integrar a Missão Cultural Brasil-Paraguai, posteriormente Centro de Estudos Brasileiros. Muda-se para o Paraguai e dirige até 1992, o Setor de Artes Plásticas e Visuais…É fundador do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Paraguai.
livio-abramo

Aspectos a serem observados com os educandos
* A bidimensionalidade e a tridimensionalidade em cada técnica.
* Contexto das produções e os gêneros textuais que as compões (romance, drama…)
* Dificuldades encontradas nas produções.
* Comparações com quadros (impressões, técnicas, espessura das linhas, estética…)
* Relações com a arte Europeia.
* Relação que apresentam com outros movimentos artísticos, como: Fauvismo, Primitivismo, Expressionismo alemão, Gravuras medievais e etc.


Conheça Ariano Suassuna
Foi o primeiro estudioso brasileiro a escrever textos sobre Xilogravura e Zincogravura e tornou-se um daqueles autores que “devemos” conhecer quando pesquisamos sobre o assunto. Sua postura é crítica e ao longo de sua história acadêmica alguns especialistas dizem que pode até ser um pouco contraditório, mas sem dúvida ele teve uma postura destemida na época em que iniciou seu posicionamento sobre as técnicas aqui sitadas. Uma das maiores intenções de Ariano Suassuna era poder contribuir para o crescimento da Xilogravura como um arte erudita com raízes nacionais e levantar posicionamentos críticos aos trabalhos que são feitos em nossa cultura, principalmente quando a qualidade do trabalho nordestino. Infelizmente alguns especialistas notaram menções estereotipadas em seus argumentos, mas deve-se levar em consideração as noções folcloristas e regionalistas de seu meio e tempo.

Fonte : Artes Visuais – conversando sobre. Madalena Zaccara e Sebastião Pedrosa.
Texto: Ariano Suassuna e a gravura popular brasileira ou a (de) formação de um pensamento crítico. Everardo Ramos

Anúncios